Comboio de alta velocidade vai parar em Santo Ovídio

0
95

Estação do TGV ficará na mesma estrutura da “segunda linha do metro de Gaia” e representa um investimento de 900 milhões de euros

Por JORGE SANTOS, texto e fotos

O TGV, comboio de alta velocidade, vai ter paragem em Santo Ovídio. A estação intermodal está em fase de construção e ficará na mesma estrutura do que a paragem da “segunda linha do metro de Gaia”. O investimento anunciado é de 900 milhões de euros, verba proveniente do Plano de Recuperação e Resiliência. Por isso, a estação tem de estar pronta até 2026, o prazo para a renovação da “bazuca”.

A Norte e Centro, a linha do TGV fará a ligação entre a estação de Porto-Campanhã e de Soure (distrito de Coimbra), com paragem em Santo Ovídio. Na opinião de Eduardo Vítor Rodrigues, presidente da Câmara de Gaia, era “fundamental” para o concelho acolher uma infraestrutura com esta importância. “Ainda não estamos perante a tão desejada ligação Porto-Lisboa, mas já ficará feito parte do caminho”, disse.

Em Vila Nova de Gaia, o trajecto do TGV vai ser feito através de um percurso subterrâneo próprio – entre Serzedo e a nova ponte ferroviária paralela à Ponte de S. João. De referir que o investimento dos fundos europeus não inclui esta travessia ferroviária sobre Douro, nem a despesa relativa à aquisição do material circulante.