O QUE É A ÁGUA?

0
49

De acordo com a enciclopédia online “Britannica”, a água é uma substância composta pelos elementos químicos hidrogénio e oxigénio, existindo nos estados gasoso, líquido e sólido. “É um dos compostos mais abundantes e essenciais. É um líquido sem sabor e sem odor à temperatura ambiente, tendo a importante proproedade de dissolver muitas outras substâncias.”

Apesar de as moléculas da água serem simples na sua estrutura (duas moléculas de hidrogénio, uma de oxigénio), as propriedades químicas e físicas deste composto são extraordinariamente complexas. E pouco comuns, até, quando comparado com outras substâncias encontradas no nosso planeta.

Por exemplo: apesar de ser comum ver, por exemplo, um cubo de gelo a flutuar num copo de água, o mesmo não se aplicará a grande parte de outras entidades químicas. Para a maior parte delas, o estado sólido é mais denso do que o líquido. Por isso, o gelo deveria afundar, não fosse a sua baixa densidade. 

No mundo natural, o facto de o gelo flutuar é de extrema importância, já que esse mesmo gelo (derivado dos glaciares, por exemplo) ajuda a formar, por exemplo, os lagos e funciona como um escudo protector para a vida subaquática. Se o gelo fosse mais denso do que água em estado líquido, o gelo formado nos lagos submergia, expondo assim mais quantidade de água a temperaturas muito baixas. O lago congelaria, inviabilizando todas as formas de vida.

A título de curiosidade, refira-se que a água se encontra maioritariamente nos oceanos (97,25%), nos glaciares e em rios, lagos e lençóis freáticos. Com o aumento da população no planeta, torna-se cada vez mais urgente olhar para a dessalinização da água do mar como alternativa às actuais fontes de consumo. E não só para consumo humano: na utilização industrial, a pureza da água tem de ser, muitas vezes, de 99,999998%. Tanto, ou mais, do que para consumo humano.